Treze Futebol Clube Aprova Adequação do Estatuto à Lei da Sociedade Anônima de Futebol

0
438

Foto: Divulgação/ Treze

 Em uma Assembleia Geral Extraordinária realizada na noite de quarta-feira, o Conselho Deliberativo e os Sócios Proprietários do Treze Futebol Clube aprovaram por unanimidade a adequação do Estatuto do Clube à Lei nº 14.193/2021, que institui a Sociedade Anônima de Futebol (SAF) no Brasil. Este marco legal é crucial para a atração de novos investimentos, proporcionando maior segurança jurídica no âmbito do futebol profissional e na formação de atletas.

A Lei nº 14.193/2021 permite que clubes brasileiros se transformem em sociedades anônimas, adotando normas especiais de governança corporativa, tratamento fiscal diferenciado e novos mecanismos de financiamento. A adequação do Estatuto é um passo preliminar essencial, pois clubes que operam no formato associativo, como o Treze, não podem receber propostas de investimento sem essa previsão estatutária.

Com a mudança aprovada, as cláusulas do novo estatuto serão revisadas pelo Conselho Deliberativo, com o apoio do Departamento Jurídico do Galo, antes de serem registradas em cartório. Este movimento coloca oficialmente o Treze Futebol Clube no mercado de clubes de futebol no Brasil, permitindo que o clube receba e analise propostas de investimento.

Após a formalização da mudança estatutária, o Treze deverá iniciar contatos e negociações com potenciais investidores. Qualquer proposta concreta será submetida ao Conselho Deliberativo, que terá a decisão final sobre a aceitação da proposta e, posteriormente, sobre a formalização do eventual contrato.

A aprovação unânime da adequação do Estatuto do Treze Futebol Clube à Lei da Sociedade Anônima de Futebol representa um passo significativo para o futuro do clube, abrindo novas possibilidades de crescimento e desenvolvimento no cenário do futebol brasileiro.