JOGOS DO BRICS: Medalhas de prata e bronze marcam a terça do Brasil em Kazan

0
318

Foto: Célio Júnior

Os atletas do Brasil nos Jogos do Brics, em Kazan, na Rússia, seguem conquistando medalhas. Nesta terça-feira (18/6), foram três premiações: as duplas masculina e feminina dos saltos ornamentais. conquistaram prata e bronze, respectivamente, e o segundo bronze do dia veio do basquete phygital. Os medalhistas fazem parte do programa Bolsa Atleta do Ministério do Esporte.

Nos saltos ornamentais, as duplas brasileiras fizeram uma boa competição, especialmente nas provas de trampolim de 3 metros sincronizadas. No masculino, Rafael Max e Rafael Fogaça garantiram a medalha de prata. Essa é a segunda medalha conquistada por Rafael Max, que no domingo já havia ganhado, com a dupla mista, a prova sincronizada, também de 3 metros.

Já a dupla feminina Anna Lúcia Santos e Maria Luiza Moura ganhou o bronze na mesma prova. Para o treinador Gabriel Serra, foi um ótimo resultado. “Tenho certeza de que os resultados conquistados aqui em Kazan os deixarão ainda mais motivados para seguir treinando forte e evoluindo tecnicamente.”

No basquete phygital, modalidade competitiva que mescla atividades esportivas reais e virtuais, o time do Brasil perdeu a semifinal para a Bielorrússia por 26 a 25, em uma partida decidida nos mínimos detalhes. Já na disputa pelo bronze, o time teve uma vitória tranquila sobre o Uzbequistão por 32 a 19.
No total, o Brasil ocupa a sexta posição no quadro geral de medalhas, com 15 premiações: duas medalhas de ouro, três de prata e 10 de bronze.

Os Jogos do Brics

Realizados anualmente, os Jogos do Brics são organizados pelos países-membros do bloco, formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, e pelos recentemente incorporados Egito, Etiópia, Irã, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos. A competição não possui modalidades pré-definidas, sendo estas determinadas pelos anfitriões. Por tradição, cabe ao país que ocupa a presidência realizar a organização do evento. Os jogos terminam no próximo domingo (23/6).

Em 2025, será a vez de o Brasil assumir a presidência dos BRICS e organizar a competição em território brasileiro.

Assessoria de Comunicação – Ministério do Esporte