Desenvolvido porspot_img

Últimas

Governo da Paraíba anuncia ações para indígenas nesta terça-feira

O Governo do Estado anuncia, nesta terça-feira (19), dia nacional dos Povos Indígenas, as ações para as populações da etnia Potiguara e Tabajara da Paraíba. O evento será na aldeia São Francisco, em Baía da Traição, às 10h, com o tradicional ritual do Toré e contará com a presença de representantes do governo, caciques e grupos de mulheres indígenas.

As ações para indígenas são coordenadas pela Secretaria da Mulher e da Diversidade Humana em parceria com as secretarias de Educação, Saúde, Infraestrutura, Agricultura Familiar, Empreender-PB, entre outros.

Entre as demandas destes dois povos, estão previstas as entregas de sementes de milho, feijão e alevinos nos territórios,  anúncio de reformas de escolas, construção de passagens e ponte, além da programação cultural e atividades esportivas, com o tradicional Jogos Indígenas. Neste ano, acontecerá uma feira de serviços na aldeia São Miguel com ações de saúde, orientações sobre violência doméstica e empreendedorismo.

A Paraíba tem traços e marcas da presença Indígena, desde o próprio nome do Estado: Paraíba (águas ruins de navegação). O seu litoral norte é o berço da etnia Potiguara, e o litoral Sul, morada da etnia Tabajara. Os Potiguara estão distribuídos em 32 aldeias de três municípios do litoral norte, sendo eles: Rio Tinto, Marcação, Baía da Traição. O termo Potiguara significa: “Comedores de camarão” e estão no mesmo território desde antes da colonização. Sua presença é marcante na cultura paraibana. Os seus costumes e tradições, (embora estando em constante contato com a sociedade não indígena), segue fortalecendo e reverenciando sua ancestralidade.

Os indígenas Tabajara estão distribuídos em três aldeias no município do Conde. O nome Tabajara significa: “Senhor da aldeia”. Apesar das investidas da sociedade não indígena, que no passado silenciou os indígenas, tomando seus territórios, os Tabajara resistiram e seguem no processo de fortalecimento das suas tradições e culturas, retomando suas terras e firmando suas aldeias.

Tabajaras – O calendário do Abril Indígena promovido pelo Governo da Paraíba teve início no último domingo (17) na aldeia Tabajara, em Barra de Gramame, com os caciques Carlinhos e Paulo Tabajara e lideranças de mulheres indígenas.

A secretária da Mulher e da Diversidade Humana, Lídia Moura, esteve presente junto com a equipe da Gerência de Igualdade Racial durante o ritual do Toré, na caminhada até a Barra de Gramame – território original dos povos Tabajara. Os povos de etnia Tabajaras exigem a demarcação da terra na área de Barra de Gramame, uma luta que a Semdh está apoiando.

“Neste momento, estamos apoiando a luta dos povos indígenas por meio de muito diálogo e ação. Durante esta semana, estamos entregando  árvores frutíferas e sementes crioulas e mudas de jenipapo e goiabeiras nas Aldeias Indígenas Tabajara, que também receberão os alevinos”, afirmou Lídia Moura.

 

REDAÇÃO COM SECOM

Foto:   Roberto Guedes/ Arquivo Secom-PB

Últimas

Mais Lidas