Início Notícias Ex-técnico do Campinense desabafa em live e fala sobre contratação de Ruy...

Ex-técnico do Campinense desabafa em live e fala sobre contratação de Ruy Scarpino e salários atrasados

1442
0
Foto: Campinense
Tão surpresa quanto a demissão de Oliveira Canindé no último sábado (30), foi a contratação de Ruy Scarpino para dirigir o Campinense na quinta-feira (04).

Em participação na Live da VT, o ex-treinador da Raposa, já em Fortaleza, cidade onde fixou residência, comentou sobre a troca de comando na equipe rubro-negra. Sem demonstrar ressentimentos, o comandante do time no título da Copa do Nordeste de 2013 aprovou a ação da direção, e desejou sorte ao seu sucessor.

– O Campinense está certo (em contratar Ruy Scarpino após alegar questão financeira para demití-lo). Não sei o que está acontecendo no clube, não tenho a mínima ideia. Não posso externar também tudo que vivi no clube, são coisas da direção. Eles resolvem as coisas que dizem respeito ao clube. No mais, toda felicidade ao Ruy, é um excelente treinador, já mostrou isso no próprio Campinense, tem tudo para fazer um grande trabalho desde que deem as condições para ele. Tenho certeza que é uma excelente pessoa, e que ele se dê bem nessa nova ida dele ao Campinense – disse.

Sobre as dificuldades enfrentadas em sua segunda passagem pelo Renatão, Oliveira Canindé deu detalhes de como era o dia dia convivendo com salários atrasados, precisando contornar a insatisfação dos atletas. Apesar da boa estrutura física, os vencimentos sem datas para ser pagos fez com que alguns jogadores manifestassem o desejo de deixar o Campinense. Sem citar nomes, o treinador afirmou que conseguiu demover a ideia de alguns de seus comandados.

– Tudo que estávamos vivendo era muito complicado. Era o segundo mês, entrando no terceiro mês (salários atrasados). A gente administrava tudo. As vezes os jogadores perguntavam e a gente falava: “tenha calma. Vocês sabiam perfeitamente que isso estava acontecendo, não foi escondido. Vocês vieram para ajudar o Campinense a sair da situação que está hoje. Vocês não vieram para ficar ricos, vieram para abrir portas. A direção vai correr atrás para ajudar da maneira deles”. Não teve jogo que recebemos bicho. Até contra o Atlético-MG não havia nada acertado. Disseram: “primeiro vençam, depois a gente vê”. Alguns jogadores cogitaram sair por causa dos salários atrasados e eu dizia: “Se você sair, nunca mais trabalha comigo”. O treinador é o melhor empresário para o jogador, fazendo ele arrebentar ou indicando para outros treinadores – explicou.

Após sua saída do Campinense, Oliveira Canindé divide opiniões no Botafogo-PB. Enquanto o presidente do clube, Sérgio Meira, diz que o profissional tem o perfil pretendido pelo clube e que ele é uma boa opção de mercado, o vice de futebol, Ariano Wanderley, descarta a possibilidade do treinador comandar o Belo.

Élison Silva/Voz da Torcida

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here