Desenvolvido porspot_img

Últimas

Aparecidense-GO empata com o Campinense e fica com o título do Brasileiro da Série D

O primeiro campeão brasileiro da temporada 2021 foi conhecido neste sábado (13). Aparecidense-GO e Campinense-PB realizam o segundo e decisivo jogo da final da Série D no estádio Annibal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia (GO). A Aparecidense segurou a pressão do Campinense, buscou o empate e ficou com a taça nacional na temporada 2021. A Raposa até saiu na frente com Dione, já no segundo tempo, mas Samuel marcou o gol que garantiu o primeiro triunfo nacional do Camaleão em sua história, o primeiro de um time do Centro-Oeste na quarta divisão. É dia de festa em Aparecida de Goiânia.

O Camaleão (apelido da equipe goiana) tem a vantagem do empate, já que venceu a partida de ida por 1 a 0 no Amigão, em Campina Grande (PB), há uma semana. À Raposa (como é conhecido o clube paraibano) só a vitória por dois ou mais gols assegura o título no tempo normal. Caso o time nordestino ganhe por um gol de saldo e iguale o placar agregado, a decisão seria nos pênaltis.

O jogo

A disputa final pela taça da Série D começou com a Aparecidense no ataque. Logo aos quatro minutos, Robert fez finta em cima da marcação e abriu pela direita até chegar em David, que encheu o pé para finalizar, mas viu a defesa adversária fazer o corte. O Campinense, em desvantagem pela derrota por 1 a 0 no jogo de ida, passou a equilibrar as ações e criou as principais chances de abrir o placar. Na marca dos 16, Felipe Ramon arriscou chute colocado de fora da área e exigiu boa defesa de Pedro Henrique. Depois, a Raposa seguiu pressionando e quase marcou em finalizações de Matheus Régis, Cleiton e Anselmo.

Na volta do intervalo, o Campinense continuou em busca do gol e chegou ao objetivo ainda aos nove minutos. Em jogada trabalhada pela direita, Fábio Lima mandou a bola na área, e Dione subiu sozinho para cabecear sem chances para Pedro Henrique: 1 a 0. A Aparecidense não se abalou e se lançou ao ataque. Aos 14, Negueba recebeu pela direita e bateu de primeira para intervenção providencial de Mauro Iguatu. Seguindo a pressão, o Camaleão deixou tudo igual já na marca dos 32. Robert fez boa jogada e passou para Samuel, que invadiu a área e tocou por cobertura, com tranquilidade, para empatar a partida e decretar o título da Série D de 2021 para a equipe goiana.

 

REDAÇÃO

FOTO: SAMY OLIVEIRA/CAMPINENSE

Últimas

Mais Lidas