Desenvolvido porspot_img

Últimas

Unifacisa perde para o Minas e está fora da Copa Super 8

O basquete Unifacisa entrou em quadra na noite deste sábado para enfrentar o Minas Tênis Clube, em sua segunda participação na Copa Super 8, torneio eliminatório que reúne as oito melhores equipes do primeiro turno do NBB e garante ao vencedor uma vaga para a Basketball Champions League das Américas. O confronto em Belo Horizonte foi marcado pela ausência de jogadores importantes para os dois lados, com atletas que testaram positivo para a Covid-19. Do lado da Unifacisa, Gerson e André Góes desfalcaram o time de Campina Grande.

As equipes protagonizaram um dos melhores jogos da primeira etapa do campeonato nacional, com defesas muito intensas que tornam o confronto bastante equilibrado. Nesta partida pela Copa Super 8 não foi diferente, os desfalques não impediram os times de mostrarem um grande jogo de basquete, que foi disputado até a posse de bola final. Apesar dos paraibanos terem feito um último período exemplar, a equipe mineira foi mais consistente, conseguiu a vitória pelo placar de 88 a 84, e segue no torneio para enfrentar o Flamengo. A Unifacisa agora volta para Campina Grande já visando o returno do NBB.

Os destaques da partida ficaram por conta de Antônio, cestinha da partida, com 21 pontos, 3 rebotes e 21 de eficiência. Trevor Gaskins, com 17 pontos e 7 rebotes. Guilherme Hubner, com 14 pontos e 7 rebotes e Kevin Crescenzi, com 14 pontos, 5 rebotes e 3 assistências

O Jogo

O Minas inaugurou o placar da partida com Alexei, para dois pontos, mas a Unifacisa respondeu logo na sequência com Cubillan, que veio de grande partida contra o Cerrado no encerramento do turno, para três pontos. Mesmo sem a presença do seu principal pivô, o time paraibano optou pelas jogadas bem trabalhadas dentro do garrafão ou ataques rápidos em transição, para pontuar. Já o Minas apostou na força de seus arremessadores, recorrendo aos chutes de média distância e com um aproveitamento acima dos 60% nas bolas do perímetro, o time mineiro conseguiu construir sua vantagem no marcador.

A equipe campinense trouxe uma forte defesa para quadra, mas pecou nos rebotes defensivos, oferecendo novas oportunidades para o Minas em várias descidas, o time adversário soube aproveitar esses momentos para seguir controlando a partida  e ampliando sua vantagem ao fim do primeiro tempo.

As equipes voltaram do vestiário com tudo e os fãs do basquete foram presenteados com lindos lances dentro de quadra. As orientações do técnico César Guidetti deram resultado e a Unifacisa entrou em quadra mais focada e valorizando cada posse de bola, buscando diminuir a diferença no placar.

A equipe do Minas seguiu com seu excelente aproveitamento nos arremessos de quadra, com destaque para os chutes de 3 pontos. Mas a Unifacisa não se deu por vencida, a equipe fez um último período exemplar. Com muita intensidade e com uma postura ofensiva bem mais agressiva, a Unifacisa buscou a diferença e assumiu a liderança no placar, faltando 3 minutos para o fim do jogo, colocando fogo de vez na partida.

Daí para frente a partida virou um verdadeiro jogo de xadrez, onde cada posse de bola poderia custar a vitória. As equipes trocaram cestas durante o restante do confronto. A Unifacisa ainda teve a última bola do jogo nas mãos, mas não conseguiu converter o arremesso e acabou perdendo para o Minas pelo placar de 88 a 84.

“Tivemos um início de jogo um pouco travado, pecamos um pouco nos rebotes e isso foi o suficiente para o Minas abrir uma vantagem. Voltamos muito melhores no segundo tempo, principalmente no último quarto, onde conseguimos ser bem mais eficientes e até assumimos a liderança em determinado momento, mas foram os detalhes que acabaram nos custando a vitória. Parabenizamos a equipe do Minas, que fez um grande jogo, tem uma equipe muito forte e seguem no torneio”, comentou o pivô da Unifacisa, Guilherme Hubner.

Fotos: Orlando Bento/MTC

ASCOM / BASQUETE UNIFACISA

Últimas

Mais Lidas