Consórcio Nordeste cria projeto de cultura que irá promover apresentações de 270 artistas em toda a região

0
13

Foto: Divulgação/ Secom-PB

Os governadores e governadoras do Nordeste realizaram, nesta segunda-feira (25), em Brasília, Assembleia Geral do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste (Consórcio Nordeste), ocasião em que aprovaram a criação do programa Conexão Nordeste, que irá promover a apresentação de cerca de 270 artistas em todos os estados da região. Na reunião, os gestores também deliberaram sobre o Fundo de Reconstrução da Caatinga, a participação da região na COP 28 e aprovaram a formulação de uma carta de apoio para a inclusão da chapada do Araripe como patrimônio da humanidade.

“Tivemos uma reunião extremamente produtiva, na qual aprovamos o programa Conexão Nordeste na área da cultura, que vai fazer com que 270 artistas do Nordeste circulem em um grande circuito de música e arte, discutimos o Fundo de Reconstrução da Caatinga para beneficiar praticamente toda a região Nordeste, a participação na COP 28, em Dubai, aprovamos uma carta de apoio para incluir a candidatura da chapada do Araripe a patrimônio da humanidade e a elaboração de um plano para melhor utilização das companhias de gás”, explicou o presidente do Consórcio Nordeste, João Azevêdo.

A reunião também contou com a participação do ministro das Minas e Energia, Alexandre Silveira, e do secretário especial de Assuntos Federativos da Secretaria das Relações Institucionais, André Ceciliano. “As representações de integrantes do governo federal mostram a força do Consórcio Nordeste porque representamos 60 milhões de brasileiros”, acrescentou o governador da Paraíba.

Os gestores também estiveram no Senado Federal, onde foram recebidos pelos senadores Rogério Carvalho (Sergipe) e Jaques Wagner (Bahia), oportunidade em que discutiram a tramitação da reforma tributária e a recomposição do Fundo de Participação dos Estados (FPE).

Também participaram da Assembleia Geral do Consórcio Nordeste as governadoras Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte) e Raquel Lyra (Pernambuco) e os governadores Rafael Fonteles (Piauí), Carlos Brandão (Maranhão), Elmano de Freitas (Ceará), Jerônimo Rodrigues (Bahia), Paulo Dantas (Alagoas) e Fábio Mitidiere (Sergipe).