Início Notícias Campinense faz dever de casa e abre vantagem contra o Sport

Campinense faz dever de casa e abre vantagem contra o Sport

601
0

CAMPINENSE-567x410Em um jogo eletrizante e de estreias, o Campinense fez valer o seu mando de campo e venceu o Sport Recife por 3 a 1, nesta quinta-feira, no Estádio Amigão. O confronto, fechou a rodada de abertura das quartas de final da Copa do Nordeste. Magno, Augusto e Reinaldo  Alagoano (outro estreante da noite) marcaram para a Raposa, enquanto que Juninho descontou para o Leão da Ilha.

Com o resultado, o time do técnico estreante Nei da Matta, que foi o único a vencer em casa na estreia do mata-mata, leva boa vantagem para jogo da volta, domingo, na Ilha do Retiro, já que se classifica com um empate ou mesmo se perder até por um gol de diferença para avançar na competição.

Caso confirme a vaga, a equipe raposeira vai se consolidar de vez como carrasco do Sport Recife, já que em 2013 (quartas de final) e ano passado (semifinal), o Leão pernambucano também acabou eliminado da Copa do Nordeste pelo rival desta quinta. Já o Leão, que estreou o técnico Nei Franco, precisa de uma vitória por 2 a 0 ou por três gols de diferença. Se vencer por 3 a 1, o Sport leva a decisão para os pênaltis.

O jogo começou equilibrado, mas aos poucos o Campinense foi tomando conta das ações. Depois de segurar o ímpeto do Sport, o time da casa passou a pressionar e só não abriu o placar mais cedo porque o goleiro Magrão praticou uma defesa incrível em cabeçada de Reinaldo Alagoano. De tanto insistir, aos 28 minutos Magno arriscou de fora da área e contou com desvio no meio do caminho para superar Magrão e abrir o placar.

Empolgado, o Campinense seguiu atacante e ainda ampliou apenas um minuto mais tarde. Reinaldo Alagoano bateu de longe, Magrão deu rebote e Augusto apareceu sozinho para completar para o gol. O time da casa seguiu melhor na segunda etapa, mas foi o Sport, no contra-ataque, que diminuiu. Aos 35 minutos, Rogério bateu para a área e Juninho se antecipou à marcação para completar para o gol.

A reação pernambucana durou pouco e, apenas três minutos mais tarde, Reinaldo Alagoano fez o terceiro do Campinense. No momento em que o Sport crescia embalado pelo gol, o centroavante aproveitou bate-rebate na área e tocou para o fundo do gol dando números finais ao jogo.

Ficha Técnica

Campinense – Gledson;Osvaldir, Joécio, Paulo Paraíba e Gilmar; Negretti, Magno, Augusto e Jussimar (Ronaell); Maranhão (Fernando Pires) e Reinaldo Alagoano.Técnico: Ney da Matta
Sport – Magrão; Samuel Xavier (Raul Prata), Ronaldo Alves, Durval e Mena; Rodrigo, Rithely e Diego Souza; Everton Felipe (Leandro Pereira), Rogério e André (Juninho). Técnico: Ney Franco
Gols – Magno (C) 28 min, Augusto (C) 29min 1ºT, Juninho (S), 35 min do 2° ; Reinaldo Alagoano 38 min 2º T

Fonte: paraibaonline

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here