Início Notícias Estádio com fezes e sem água marca rodada

Estádio com fezes e sem água marca rodada

198
0
Estádio Marizão - Foto: Reprodução

A vitória do Sousa sobre o Treze por 1 a 0, nesse domingo (2), pela terceira rodada do Campeonato Paraibano, foi marcada por muitas polêmicas fora de campo em virtude das condições do estádio Marizão, em Sousa.

Em vídeo gravado pela diretoria do Treze, o gramado do Marizão aparece destruído, com buracos e remendos sobre eles. Para piorar, o técnico do Galo, Celso Teixeira, relatou que ao chegar no vestiário do estádio (ouça abaixo), a delegação alvinegra encontrou um local com fezes, sem água e até sapo.

“Encontramos muita pressão. Chegando no vestiário encontramos muitas fezes, não tinha como usar nenhum dos três sanitários. Estava até a boca entupida de fezes. Acho que pediram para várias pessoas fazer um cima do outro para deixar aquele odor, para não deixar você usar. Sapos dentro do vestiário e sem nenhum pingo de água. Não tinha como tirar as fezes. Também não tínhamos como tomar banho”, disse o treinador ao Portal MaisPB.

“Uma pena porque a gente tem visto como tem sido reproduzida a imagem do futebol que temos praticado aqui, com várias notícias aparecendo nacionalmente e não tomamos providências. Isso não justificativa a nossa derrota, há muito tempo o Treze não vence um jogo lá”, lamentou.

O estádio Marizão, em Sousa, foi um das praças esportivas vetadas pelo Ministério Público antes do início do Campeonato Paraibano, mas acabou liberado na semana passada para o confronto contra o Galo. Aliás, a primeira partida do Sousa contra a Perilima, inicialmente agendada para o Marizão, precisou ter o mando invertido, pela falta de condição do estádio. O jogo acabou disputado no Amigão, em Campina Grande.

Escute o áudio do treinador do Treze, Celso Teixeira:

Fonte: MaisPB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here